Lote 1-0
Leilão: #4749
Conectado
   Fechado sem lance
Fazenda em Descalvado/SP
Encerrado em:
27/10/2016 14:00:00
Hoje: 11/12/2016 - 00:10:43
 

lot

Leilão de Um imóvel rural situado em DECALVADO denominado Fazenda Santa Etelvina. Metragem: área de 267,781 alqueires de terras.

Descalvado - SP
2ª vara Cível da Comarca de Ribeirão Preto
  • Habilitados
    0
  • Visitas
    195
  • Lances
    0
  • Lance Inicial:
    R$ 15.487.349,03
  • Incremento mínimo:
    R$ 15.000,00
  • Comissão Leiloeiro:
    R$ 774.367,45 (5%)
  • Encerrado

Mais Detalhes do Lote:

Imóvel: Um imóvel rural situado neste município e comarca de Descalvado, denominado "Fazenda Santa Etelvina", com área de 267,781 alqueires de terras, mais ou menos, dos da medida paulista, benfeitorizado com 10 casas de morada construídas de tijolos e cobertas com telhas, paiol, rancho, estábulo, terreiro ladrilhado, tulha, poço com bomba, cerca de 800 pés de laranja, além de um pequeno pomar, uma bomba hidráulica e respectivo motor elétrico e que se destina a abastecimento de água, instalações elétricas, cercas, fechos e outras de mais pequenas benfeitorias aderentes ao solo, possuindo dito imóvel servidão de luz e força tirada do transformador existente em terras de Antônio Zanatta e Firmino Zanatta, servidão essa que fica mantida e assegurada à Usina Santa Rita S/A Açúcar e Álcool ; imóvel esse encravado dentro das seguintes divisas e confrontações: Rio Mogi Guaçu; Francisco Navas Delgado; Abrão Caramori, com propriedade de Antônio Costa; Sebastião Modesto dos Santos e outros; Salvador Costa; Paulino Zanatta e com a Fazenda Santa Carolina, ou sucessores desses confinantes. Consta da Av. 11 que o imóvel é cadastrado no INCRA sob o nº 618.055.004.944-9, com a área total de 639,6 ha., fração min. Parc. 2,0 ha., mod. Fiscal 12,0, nº de mod. Fiscais 53,50. Hipoteca: Consta da Av. 18, 23, 24, 25, 28, 29, 30 e 39, as hipotecas em favor do exequente desta ação, Bando Brasil S/A. Penhora: Consta da Av. 40 a penhora determinada pelo Juízo da 2ª Vara Cível de Ribeirão Preto, nos autos da ação de execução de título extrajudicial nº 2629/99. Consta da Av. 41 a penhora determinada pelo Juízo da 2ª Vara Cível de Ribeirão Preto, nos autos da ação de execução de título extrajudicial nº 2312/99. Consta da Av. 42 a penhora determinada pelo Juízo da Vara Cível de Santa Rita do Passa Quatro, nos autos da ação de execução fiscal nº 24/04. Consta da Av. 43 a penhora determinada pelo Juízo da 2ª Vara Cível de Ribeirão Preto, nos autos da ação de execução cível nº 0041227-44.1999.8.26.0506. Consta da Av. 44 a penhora determinada pelo Juízo da 2ª Vara Cível de Ribeirão Preto, nos autos da ação de execução civil nº 0043735-60.1999.8.26.0506.

Avaliação: R$ 15.487.349,03 (quinze milhões, quatrocentos e oitenta e sete mil, trezentos e quarenta e nove reais e três centavos) atualizados até agosto de 2016. Débitos Tributários: Eventuais débitos tributários ficam sub-rogados no respectivo preço alcançado pela arrematação, nos termos do parágrafo único do artigo 130, do Código Tributário Nacional. Débitos da Ação: R$ 16.790.780,38, em outubro de 2007, valores que deverão ser atualizados para a data da arrematação e pelo qual responderá o produto da arrematação. Em havendo saldo remanescente, responderá pela diferença o executado nesta ação. OBS: Compete ao interessado no bem eventual pesquisa de débito junto aos diversos Órgãos.

Comitente:
2ª vara Cível da Comarca de Ribeirão Preto
Valor de Avaliação:
R$ 15.487.349,03